Benefícius do Mana Cubiu

 

A fruta do século: Maná-Cubiu

Fruta nativa da Amazônia Ocidental, Maná-cubiu vem sendo estudado há 18 anos pelos cientistas e pesquisadores Dr. Danilo Fernandes da Silva e Dra. Lucia K. Yuyama, e há 25 anos pelo INPA (Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia) órgão ligado ao Ministério da Ciência e Tecnologia.

Por conter um alto teor de niacina ( vitamina B-3) pode ser considerada uma fruta medicinal pois combate fortemente o colesterol, triglicerídeos, anemia, diabetes, pressão alta, enxaqueca, depressão, ácido úrico, além de ser digestivo, diurético e tônico sexual.

Além da niancina o mana- cubiu é muito rico em fibras, fósforo, vitamina C, pectina que combate a diabetes.
A falta de niancina pode causar mundanças negativas na personalidade. A necessidade diária recomendada para adultos, de acordo com o Conselho Nacional de Pesquisas dos EUA é de 13 à 19mg. Essencial para a síntese dos hormônios sexuais (estrógeno, progesterona, e testosterona) bem como da cortisona, tiroxina e insulina. Necessária para um sistema nervoso saudável e para as funções cerebrais.

Nutrientes: contém alto teor de vitaminas A e C, fósforo e ferro, além de flavonóides, alcalóides e fitoesteróides, alguns recém descobertos pela ciência.

Propriedades Medicinais:

  • Purifica o sangue;
  • Diminui a albumina dos rins;
  • Fortifica os nervos ópticos;
  • Limpa as cataratas;
  • Alivia problemas da garganta;
  • Controla as amibiasis;
  • Coadjuvante no tratamento do carcinoma de próstata e colesterol elevado;
  • Estimulante do sistema imunológico.

Recentemente cientistas da fundação Oswaldo Cruz do Ceará descobriram uma substância chamada “physalina” que atua no sistema imunológico humano evitando a rejeição de órgãos transplantados, a Fio Cruz e seus cientistas estão requerendo a patente desta descoberta.

Combate as seguintes doenças:

  • Diabetes;
  • Reumatismo Crônico;
  • Doenças de Pele;
  • Bexiga, rins e fígado;
  •  
  • Efeito anti- viral contra o vírus da gripe.